17 a 19 de maio de 2022 em São Paulo

São 9 cursos e 7 seminários. Monte sua agenda e participe

Evite filas, faça sua inscrição antecipada e parcele sua compra em até 10 vezes!

Atividades isoladas:
1 Curso: R$ 500,00
1 Seminário: R$ 500,00

Passaporte Seminários: de R$ 3.500,00 por R$ 1.500,00
(Tenha acesso aos 7 seminários, nos 3 dias do evento, pagando o valor de 3 seminários)

Parcelamento sem juros e válido apenas para pagamentos no cartão de crédito.


Conheça o Protocolo COVID 19

A inscrição contempla:
• Acesso à(s) atividade(s) adquirida(s);
• Acesso ao conteúdo (slides) do(s) curso(s) adquirido(s) – pós evento;
• Certificado de participação, mediante comprovação de presença.

 
Benefícios dos inscritos nas atividades e visitantes da feira:
• Acesso aos 3 dias da feira;
• Acesso às Atividades Especiais gratuitas durante o evento.

Conheça a programação completa

Curso: REGULAMENTAÇÃO atual dos Drones

17 de maio – 9h às 12h30 – Arena Vermelha

O objetivo deste curso é apresentar um panorama geral de toda a regulamentação brasileira aplicável aos drones profissionais, incluindo drones de menor porte classe 3 e de maior porte classes 2 e 1. Serão abordadas as normas dos diferentes órgãos públicos que legislam sobre o setor: ANATEL – Agência Nacional de Telecomunicações, ANAC – Agência Nacional de Aviação Civil, DECEA – Departamento de Controle do Espaço Aéreo, MD – Ministério da Defesa e MAPA – Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Ao longo do curso, alguns escopos operacionais serão abordados, como o voo fora de alcance visual do piloto (BVLOS). Por fim, o curso visa sensibilizar os que já atuam ou que pretendem atuar no setor de drones profissionais sobre o momento de pioneirismo em que a tecnologia se encontra, e a importância da seriedade nos trabalhos atuais como porta de entrada para muitas outras aplicações que surgirão no futuro.
 
Público-alvo: Interessados em inovações tecnológicas e pilotos que vislumbram o uso de drones de forma profissional.
 
Tópicos que serão abordados:
 
• Introdução às aeronaves remotamente pilotadas
– Classificações e Aplicações
 
• Legislação e regulamentação
– ANATEL
– ANAC
– DECEA
– MD
– MAPA
 
• Tipos de operação e suas particularidades
– Voo BVLOS
– Voo de pulverização
– Avaliação de risco operacional
– Cuidados e Boas Práticas
 
Instrutor: Lucas Florêncio
Sócio cofundador da AL Drones. Engenheiro Aeronáutico pela Escola de Engenharia de São Carlos da USP. Com MBA em Gerenciamento de Projetos (FGV) e MBA em Inovação e Empreendedorismo (Ufscar). Possui experiência em manutenção e aeronavegabilidade de aeronaves comerciais da Boeing, Airbus e Embraer, além de projeto e certificação de aeronaves da aviação geral de 2 a 5 assentos. Atua no mercado de drones a 5 anos buscando profissionalizar o setor e impulsionar os benefícios que essas aeronaves podem trazer para a sociedade.
 
 

Curso: INTELIGÊNCIA GEOGRÁFICA na Tomada de Decisões

17 de maio – 9h às 12h30 – Arena Amarela

O curso abordará a importância do olhar geográfico para a compreensão de fenômenos complexos. Será apresentado quais ferramentas um analista espacial pode utilizar para melhorar suas decisões – ou orientação a tomadores de decisões – dentro das organizações. Será demonstrado como a incorporação da estatística espacial é um poderoso recurso para tomada de decisões estratégicas. Explicitaremos metodologias de análise espacial, com demonstração de cases de sucesso no brasil e no mundo.
 
Público-alvo: Profissionais que atuem ou pretendem atuar nas áreas de geografia, arquitetura, engenharias, cartografia, agrimensura, administração e demais áreas correlatas. O curso tem o objetivo de abrir a mente dos alunos sobre a importância de uma adequada análise espacial para decisões estratégicas.
 
Tópicos que serão abordados:
 
• Análise Espacial como diferencial estratégico
– O pensar geográfico
– Ciclo de inteligência Geográfica
– Busca por padrões espaciais
 
• SIG e os Negócios
– Entendendo e aplicando as categorias de análise da Geografia em decisões de negócios: Lugar, Paisagem, Território , Região e Espaço;
– Interação entre a economia e a geografia econômica;
– Modelos Econômicos espaciais: Von Thünen (1826), Weber (1909) e Chirstaller (1933)
 
• Informação geográfica estratégica para comunicar decisões
– Como mentir com mapas? E como não ser enganado por um?
– Uma imagem fala mais que mil palavras, um mapa fala mais que mil imagens
 
• Estatística espacial em processos de decisões complexas
– Os principais aspectos da estatística espacial
– Impacto do ONDE
– Existem padrões no comportamento geográfico de todos os fenômenos
 
• Cases de aplicações da análise espacial para decisões complexas
– Salvando vidas (resposta e emergência)
– Ganhando guerras (uso militar)
– Expandindo negócios (Geomarketing)
– Entendendo padrões sociais (comportamento eleitoral)
– Melhorando qualidade de vida (Smart City)
 
Instrutor: Julio Ribeiro
Graduação e Mestrado em Geografia. Experiências profissionais nos campos da licenciatura, bacharelado e empreendedorismo. Atualmente é CEO do Grupo HUBSE, sendo este responsável pelo Instituto GEOeduc e AcademiaGIS Imagem/Esri BR. Fundador/presidente da APROGEO-MG. Experiência docente nas universidades UniBH, UNA e PUCMinas, São Judas Tadeu, Facens e FGV. Coordenou o curso de Geografia e foi diretor do Instituto de Engenharia e Tecnologia. Atuou como gerente de marketing na Imagem/EsriBR. Principais áreas de interesse:Educação, Análises espaciais e Smart Cities.
 
 

Curso: Processamento de IMAGENS de Drones

17 de maio – 9h às 12h30 – Arena Verde

Este curso visa apresentar conceitos e aplicações sobre processamento digital de imagens para geração de informações em mapeamentos.Será abordado o uso de softwares para geração de dados geográficos em estrutura de nuvem de pontos, TIN, raster e curvas de nível.
 
Público-alvo: Profissionais que já atuam ou que pretendem atuar no setor de drones. Os alunos devem ter conhecimentos básicos sobre informática e obtenção de imagens por drones.
 
Tópicos que serão abordados:
 
• Conceitos gerais para processamento de imagens obtidas por drones
• Softwares e suas qualidades (Photoscan, Pix4D e Context Capture)
• Uso de pontos de apoio e checagem no processamento de imagens
• Geração e classificação de nuvem de pontos
• Geração de dados TIN, raster e curvas de nível
• Geração de MDT e informações para topografia (perfis, volumetria)
• Geração de MDS e ortomosaicos
• Prevenção e solução de erros e problemas em processamento de imagens
• Avaliação de acurácia e enquadramento na norma INCRA para georreferenciamento de imóveis rurais
 
Instrutor: George Longhitano
Diretor da G drones, é geógrafo e mestre em geoprocessamento pela USP. Estuda e desenvolve aplicações de drones em mapeamentos desde 2005. Possui experiência de doze anos como coordenador de projetos e de nove anos como professor de cursos de graduação e pós-graduação de disciplinas de VANT e drones, sensoriamento remoto, geoprocessamento e cartografia.
 
 
 
 

Seminário: Certificação e Registro de Empresas de DRONES

17 de maio – 14h às 18h – Arena Vermelha

Este seminário vai reunir Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA), Ministério da Defesa (MD) e Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) para apresentar o estágio atual de revisão da regulamentação do uso de drones classes 3 e 2 no ambiente urbano e rural, para inspeções, segurança, pulverização e aerolevantamentos entre outras aplicações.
 
Moderador: Carlos Galassi – Fundador e Diretor da OCA Drones
 
Programação:
 
14h às 15h15 – Impactos da simplificação da certificação de drones classes 2 e 3 na ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil)
Roberto Honorato – Superintendente de Aeronavegabilidade da ANAC – Agência Nacional de Aviação Civil
• Capitão Jean Pierre de Castro Benevides – Chefe da Seção de Planejamento de Sistema de Aeronave Não Tripulada do DECEA – Departamento de Controle do Espaço Aéreo
André Arruda – Cofundador da AL Drones
 
15h15 às 16h30 – Regulamentação para pulverização e controle biológico com drones do MAPA (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento)
• Lucas de Souza – Engenheiro Agrônomo do MAPA – Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento
Eugênio Schroder – Fundador e Gestor da Schroder Consultoria Agro
André Veiga – Fundador e Gestor da ALSV Agro
 
16h30 às 17h – Intervalo
 
17h às 18h15 – Novidades no registro de empresas que usam drones para mapeamento de precisão no MD (Ministério da Defesa)
• Capitão de Mar e Guerra Mario Orlando de Carvalho Júnior – Gerente da Seção de Geoinformação, Meteorologia e Aerolevantamento (SEGMA) do Ministério da Defesa
Danilo Rodrigues – Fundador e Gestor da GeoSurv Engenharia e Geomática
Bruno Ferreira – Fundador e Gestor da RASOF Topografia e Engenharia
 

Seminário: Cadastro Técnico Multifinalitário para CIDADES INTELIGENTES

17 de maio – 14h às 18h – Arena Amarela

Este seminário vai apresentar soluções tecnológicas para cidades de pequeno, médio e grande porte, envolvendo as etapas de coleta, processamento, análise, compartilhamento e atualização das informações geográficas, visando dar suporte ao Cadastro Técnico Multifinalitário (CTM) e Sistema Nacional de Informações Territoriais (Sinter), incluindo os conceitos de gêmeos digitais e georreferenciamento de imóveis urbanos.
 
Moderador: Anderson Medeiros – Fundador da ClickGeo
 
Programação:
 
14h às 15h15 – O papel fundamental do Cadastro Técnico Multifinalitário (CTM) nas Cidades Inteligentes
George Serra – Consultor da GeoConsult
Givanildo Silva – Diretor Técnico na Topocart
Régis Bueno – Diretor da Geovector Engenharia Geomática
 
15h15 às 16h30 – Sinter e Georreferenciamento de Imóveis Urbanos
• José Renato Alves Gomes – Auditor-Fiscal da Receita Federal
Artur Caldas Brandão – Universidade do Estado da Bahia – UFBA
• Alessandro Machado – Diretor da ABM Agrimensura
 
16h30 às 17h – Intervalo
 
17h às 18h15 – Gêmeos Digitais aplicados a Cidades Inteligentes
Flavio Yuaça – Superintendente na Prefeitura de Goiânia
• Augusto Carvalho – Especialista em Utilities da Imagem/ESRI
Juliano Lázaro – Gerente da Hexagon Geospatial
 

Seminário: GIS & INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL & Big Data

17 de maio – 14h às 18h – Arena Verde

Este seminário vai abordar os conceitos de big data, data science, inteligência artificial, machine learning e deep learning aplicados ao contexto da informação geográfica para várias aplicações. No seminário serão apresentados estudos de casos e tendências tecnológicas.
 
Moderadora: Magaly Oliveira – Coordenadora de Articulação Institucional do Projeto MapBiomas
 
Programação:
 
14h às 15h15 – Ciências de Dados e Análise Espacial para decisões mais inteligentes
Eduardo de Rezende Francisco – Professor de GeoAnalytics e Chefe do Depto de Tecnologia e Data Science da FGV EAESP
• Carlos Eduardo – Gestor de Advanced Analytics da Imagem/Esri
Wolmar Cunha Sabino – Arquiteto de Soluções Geoespaciais e Desenvolvimento de Negócios da Hexagon Geospatial
 
15h15 às 16h30 – GIS & Big Data fazendo a diferença na análise de comportamentos
Reinaldo Gregori – Fundador e Diretor da Cognatis
Jefferson Cruz – Especialista em Varejo da Imagem
Ricardo Pinheiro – Diretor da Here
 
16h30 às 17h – Intervalo
 
17h às 18h15 – Novas oportunidades geradas pela integração da Inteligência Artificial com o GIS
Cesar Diniz – Fundador da Solved
Álvaro Justen – Fundador da Startup Brasil IO
Thiago Sailer – Coordenador Comercial Google Maps Platform – Geoambiente
 

Curso: GEORREFERENCIAMENTO de Imóveis rurais

18 de maio – 9h às 12h30 – Arena Amarela

Tópicos que serão abordados:
 
• Sobre o Georreferenciamento
– Importância do Georreferenciamento para o Brasil e para os proprietários de imóveis rurais
– Diferença entre precisão e acurácia
– Reocupação de marcos certificados
– Utilização de vértices virtuais (quando utilizar e métodos para obtenção dos mesmos)
– Anuência dos confrontantes (como agir em caso de recusa da anuência)
– Usucapião e a certificação – quando e como certificar
 
• SIGEF – Desmembramento e Remembramento de Imóveis Rurais
– Documentação necessária para o SIGEF e para o registro de imóveis
– Diferença entre a área do perímetro e as áreas do desmembramento
– Como proceder no SIGEF (imóveis certificados antes e após a 3ª Norma Técnica)
– Casos de sobreposição – as dificuldades encontradas pelos profissionais – prejuízo para os proprietários
 
• Georreferenciamento e o profissional
– Precificação: como andam os preços do Geo?
– As dificuldades encontradas no campo, escritório e cartório
– Como apresentar uma proposta digna e respeitada
– Importância e elaboração do contrato
– Como captar clientes
– O que anda sendo feito para separar “o joio do trigo” no Geo?
 
• Notas devolutivas do Registro de Imóveis quando da solicitação de averbação do Geo
– Apresentação e estudo de vários casos reais, a fim de evitar erros
 
• Uso de drone no Georreferenciamento
– Como andam os trabalhos com drones no Georreferenciamento?
– Principais obstáculos encontrados
 
Instrutora: Margarete Maria José de Oliveira
Cursou Geoprocessamento no Instituto Federal de Goiás (IFG) e diversos cursos e seminários ligados à área de Georreferenciamento de Imóveis Rurais, Imagens de Satélite, Cadastro Ambiental Rural (CAR), dentre outros. É sócia-fundadora da empresa TGR Treinamentos, onde atua como instrutora de cursos teóricos e práticos na área de montagem de processos para Georreferenciamento e Certificação de Imóveis Rurais, levantamento em campo utilizando GPS e RTK , Reserva Legal, CAR, entre outros. Trabalha há mais de seis anos com Georreferenciamento de Imóveis Rurais e montagem de processos de Georreferenciamento e Reserva Legal, atendendo pessoas físicas e jurídicas de diversos estados do Brasil. Participa como palestrante na conferência MundoGEO#Connect LatinAmerica, em seminários online MundoGEO e como articulista na revista MundoGEO, sobre o tema Georreferenciamento e Certificação de Imóveis Rurais.

Curso: INSPEÇÕES com Drones

18 de maio – 9h às 12h30 – Arena Verde

Este curso de inspeções com drones detalha as técnicas de coleta de dados visuais, o uso da inteligência artificial e explora alguns estudos de casos, realizados em Singapura e no Brasil.
 
Público-alvo: Indicado para empresas de Engenharia com atividades de inspeções prediais, bem como profissionais dos segmentos de facility management e seguradoras de ativos imobiliários, além de construtoras e empresas de serviços com drones interessadas em inspeções prediais e no ganho de produtividade nas inspeções com drones e análise dos dados.
 
Tópicos que serão abordados:
 
• Inspeções com drones na Construção Civil, Usinas Solares, Linhas de Transmissão, Barragens, Emissões de Gases na Indústria
• Oportunidades Para Inspeções e Vistorias de Fachadas com Drones
• Regulamentação vigente para RPAS (drones) focada nas atividades de inspeções de ativos
• Principais atividades do fluxo de trabalho com RPAS da inspeção ao relatório técnico
• Riscos durante a operação de inspeção como mitigá-los
• Anomalias que podem ser analisadas a partir de dados coletados por RPAS e seus sensores
• Modelos e marcas de RPAS mais utilizados para inspeções
– Avaliação por sensor, resolução, distância focal, dimensão da imagem, GSD cm/pixel, obturador, sensor de obstáculo, autonomia, redundância controlador de voo, redundância na navegação, redundância comunicação, redundância bateria, sensor duo, blindagem eletromagnética, custo, peso, RTH inteligente, Resistência ao Vento, Receptor ADS-B, aplicativos de plano de voo.
• Aerofotogrametria – conceitos e definições aplicada às inspeções
• Como calcular a resolução dos pixels da imagem na fachada? Ou a distância?
• Como estimar o número de imagens coletadas numa inspeção?
• Considerações sobre sensores embarcados em RPAS para fins de inspeções prediais
• Câmeras Termais
• Produtividade nos serviços com drones para fins de inspeções prediais
• Metodologias
• Planos de voos para inspeções prediais
• Coleta de dados manual e automatizada
• A PLATAFORMA H3ZOOM para inspeções
• Software de planos de voos UGCS
 
Instrutor: Emílio Hoffmann
Engenheiro eletricista pela UFPR, autor do livro A Era do Hidrogênio, das Energias Renováveis e Células a Combustível, e pós-graduando em RPAs (Drones) e VANTs em Aplicações Civis e Comerciais – PUCPR. É co-fundador e diretor de operações na América Latina da H3 Dynamics, empresa com sede matriz em Cingapura e que desenvolve soluções disruptivas que convergem diversas áreas da tecnologia, tais como: células a combustível a hidrogênio ultraleves para drones de longa autonomia, plataformas robóticas para automação de missões remotas de drones, e plataformas de inteligência artificial para processamento dos dados coletados por drones. Também é diretor de desenvolvimento de negócios da H3ZOOM.AI (inteligência artificial) e da HES Energy Systems (células a combustível H2) na América Latina, ambas subsidiárias da H3 Dynamics. É fundador da Brasil H2, empresa fundada em 2003 e dedicada às tecnologias de células a combustível para diversas aplicações.

Curso: Drones no setor AGROFLORESTAL

18 de maio – 9h às 12h30 – Arena Vermelha

O uso avançado de drones na Agricultura, além de ganhos de produtividade e redução de custos, gera continuamente dados para tomada de decisão no futuro. Neste curso avançado serão detalhados três cases do uso de drones na Agricultura: cana de açúcar, silvicultura/citricultura/cafeicultura e grãos (soja, milho e algodão).
 
Público-alvo: Este é um treinamento indicado para quem já tenha conhecimentos básicos sobre drones na Agricultura e tenha interesse em se aprofundar no tema através de estudos de caso.
 
Tópicos que serão abordados:
 
• Estudo de caso 1 – Cana de açúcar
– Cálculo de volume de bagaço de cana
– Análise de topografia, fluxo de enxurrada, definição de pontos críticos de erosão, projeto de terraços e de escoamento superficial difuso
– Restituição de linhas de plantio para projeto logístico de tiro de colheita e georreferenciamento de colheita automática
– Localização de falhas de plantio pelo método de Stolf
– Matologia – identificação e tratamento de invasoras no pós emergencia e pré plantio
-Tratamento com pulverização com drones em catação
 
• Estudo de caso 2 – Silvicultura, Citricultura e Cafeicultura
– Contagem de indivíduos
– Cálculo de diâmetro de copa
– Cálculo de falhas de plantio
– Análise fitossanitária
 
• Estudo de caso 3 – Grãos
– Contagem de plantas
– Falha de plantio
– Reguladores de crescimento
– Desfoliantes
– Cálculo de necessidade de nitrogênio e avaliação de resultados na aplicação de nitrogênio
– Análise fitossanitária (ex. nematóides, mosaico de trigo, ferrugem de cabeça, etc)
– Matologia (identificação e tratamento de invasoras)
– tratamento em área total e a taxa variável com drones
 
Instrutor: Giovani Amianti
Engenheiro mecatrônico formado pela Poli-USP e mestre em sistemas aviônicos de RPAS pela Poli-USP. Iniciou o desenvolvimento de drones em 2004 e em 2007 fundou a XMobots. Esteve à frente de projetos já consagrados no mercado nacional de RPAS, como os drones Nauru 500x, que foi o primeiro avião não tripulado privado do Brasil autorizado a voar pela ANAC além do Echar 20x recentemente utilizado pelo INCRA para georreferenciamento de imóveis rurais e Arator 5x que se consolidou no mercado sucroalcooleiro. Atualmente é o CEO da XMobots, considerada uma das líderes na América Latina do segmento de Drones para Agricultura.
 
 
 

Seminário: MONITORAMENTO & INSPEÇÕES

18 de maio – 14h às 18h – Arena Verde

Este seminário tem o objetivo de apresentar soluções de captura da realidade usando sensores em satélites, aviões, drones ou plataformas fixas e móveis terrestres para monitorar e inspecionar ativos nas áreas de energia, mineração, telecomunicações e infraestrutura em geral.
 
Moderador: Emílio Hoffmann – Diretor de Negócios da H3 Dynamics no Brasil
 
Programação:
 
14h às 15h15 – Monitoramento de grandes obras de Engenharia (pontes, barragens, etc)
Rodrigo Eger – Gerentes de Produtos – Santigo e Cintra Geotecnologias
• Boaz Teixeira – Consultor da CPE Tecnologia
Ricardo Serrato – Regional Sales and Business Development Segment Manager – Detection and Mobile Solutions Leica Geosystems do Brasil
 
15h15 às 16h30 – Inspeções de estruturas lineares (oleodutos, linhas de transmissão, estradas, etc)
Miguel Carballido Vazquez – Fundador e Diretor da Metro Cúbico Engenharia
Nathalia Araújo – Instrutora de Voo da Global Drones
Fernando Ribeiro – Pesquisador Depto de Engenharia de Transportes da Poli – USP
 
16h30 às 17h – Intervalo
 
17h às 18h15 – Inspeções em edificações (indústrias, fachadas instalações indoor, etc)
Pierre Verardi Ramos – Fundador e CEO da xd4solutions
Osvaldo Gimenes – Diretor da Panorama.id
George Longhitano – Diretor da G drones
 

Seminário: AGRICULTURA & SILVICULTURA de precisão

18 de maio – 14h às 18h – Arena Amarela

Este seminário vai apresentar como os sensores embarcados em plataformas orbitais e aéreas, sistemas que utilizam cada vez mais a inteligência artificial para processamento de dados e drones para pulverização, estão contribuindo no aumento da produtividade no campo e na preservação do meio ambiente.
 
Moderador: Eugênio Passos Schröder – Fundador e Diretor da Schroder Consultoria Agro
 
Programação:
 
14h às 15h15 – Opções de plataformas para coleta de dados em campo (orbitais, aerotransportadas, etc)
Gustavo Victorio – Auditor Fiscal da SEFAZ-MA e gerente do Projeto do SIFMA (Sistema de Fiscalização e Monitoramento do Agronegócios)
Giovani Amianti – Fundador do Grupo XMobots
Mauricio Schiavolin – Diretor de Negócios SCCON Geospatial
 
15h15 às 16h30 – Processamento, análise e apresentação dos dados
Maurício Campiteli – Santiago e Cintra Geotecnologias
Michael Steinmayer – Fundador da Sulsoft
Erik de Badts – Micasense América Latina
 
16h30 às 17h – Intervalo
 
17h às 18h15 – Aplicações e resultados da pulverização e controle biológico com drones
André Veiga – ALSV Agro Drone Pulverização
Ulf Bogdawa – CEO da SkyDrones Tecnologia Avionica
Lúcio André de Castro Jorge – Pesquisador da Embrapa Instrumentação
 

Curso: AEROLEVANTAMENTOS com Drones

19 de maio – 9h às 12h30 – Arena Amarela

Assim como a Aerofotogrametria tripulada, os levantamentos utilizando drones têm conceitos e legislação específicas. Empresas de drones que atuam ou desejam atuar com Aerolevantamentos devem seguir as regras do Ministério da Defesa. Existem três categorias no processo de aerolevantamento nas quais as empresas podem requisitar o cadastro: A – para entidades que realizam todas as fases do aerolevantamento; B – para as entidades que realizam apenas a fase aeroespacial; e C – para as entidades que realizam a fase decorrente do aerolevantamento, isto é, recebem os originais de Aerolevantamento provenientes do voo e geram o produto primário e seus produtos decorrentes. O objetivo deste curso é mostrar, de maneira geral e simples, o que é necessário para realização de projetos de mapeamento aéreo com drones, desde os conceitos básicos da aerofotogrametria até a avaliação dos produtos cartográficos gerados.
 
Público-alvo: O curso é direcionado para quem deseja entrar no mercado de mapeamento aéreo com drones ou complementar a sua atividade com esta tecnologia de aquisição de informações.
 
Tópicos que serão abordados:
 
• Tipos de Drones e Câmeras para Aerolevantamento
• Softwares utilizados:
– Softwares de planejamento de missão
– Softwares de processamento para geração de ortomosaicos e MDS
– Softwares de tratamento de dados
• Definição da quantidade e da distribuição dos pontos de apoio
• Definição da escala do levantamento
• Levantamentos com Drones que possuem RTK embarcado
• Processamento dos dados
• Edição e avaliação da qualidade dos ortomosaicos gerados
• Geração de curvas de nível
• Extração de feições
• Avaliação dos modelos segundo PEC (Padrão de Exatidão Cartográfica)
 
Instrutor: Maurício Campiteli
Gerente de Produto VANT na Santiago & Cintra Geo-Tecnologias, Engenheiro Cartógrafo formado na FCT UNESP de Presidente Prudente. Trabalha com mapeamento aéreo com RPA desde 2015, tanto na área de capacitação como em projetos de aerolevantamento para grandes obras de engenharia.
 

Curso: PULVERIZAÇÃO com Drones

19 de maio – 9h às 12h30 – Arena Verde

Curso para profissionais que atuam, ou desejam atuar, no mercado de drones para aplicações de produtos agrícolas. Importante oportunidade para agricultores que querem conhecer a tecnologia para usar em suas lavouras. Entenda porque os drones são os equipamentos mais democráticos que existem, sendo adequados para pequenas, médias e grandes propriedades agrícolas.
 
Tópicos que serão abordados:
 
• Mercado agro do século 21 – Quais são as novas oportunidades a explorar? Onde os drones entram neste mercado?
• Drones de aplicação agrícola – Como escolher o melhor equipamento para cada cultivo? Diferenças entre aplicações via líquida e aplicações de sólidos?
• Voar e aplicar com drones – Duas coisas diferentes, mas igualmente importantes. Voar bem não garante uma boa aplicação. Conhecer pulverização tradicional não garante sucesso com drones.
• Tecnologia de aplicação – Entendendo os segredos para aplicações mais seguras. Drones são aeronaves, fazem aplicações aéreas. Mas têm características diferentes dos aviões agrícolas.
• Minha empresa de drones – Como montar um negócio de sucesso? O que fazer primeiro: comprar o drone ou montar a empresa? Quanto é necessário investir para prestar serviços com drones agrícolas?
 
Instrutor: Eugênio Passos Schröder
Engenheiro agrônomo, doutor em fitossanidade, fundador e diretor da Schroder Consultoria Agro, SC agro, com duas décadas de atuação em tecnologia de aplicação aérea. Trabalhou em empresas agroquímicas, aviação agrícola e foi professor na Faculdade de Agronomia da UFPel. Realiza validação agronômica de drones multirrotores, criou o primeiro curso para pilotos de drones de aplicações agrícolas, e coordena a Rededrones, que congrega empresas de prestação de serviço com drones agrícolas.
 
 
 

Curso: Topografia 3D & LIDAR

19 de maio – 9h às 12h30 – Arena Vermelha

Neste curso serão abordados os conceitos de Lidar, suas aplicações, vantagens e dificuldades. Vamos explorar um pouco porque fazer topografia em 3D com alguns exemplos. Uso e aplicação de laser scanner com diversas plataformas de suporte e compreender e a performance, precisão e tipos de resultados produzidos. Inclui também neste curso uma introdução básica sobre novos potenciais mercados e um estudo de caso com comparativo de custos.
 
Público-alvo: Curso está direcionado àqueles que atuam ou pretendem atuar com topografia 3D, com objetivo de desmistificar o emprego de laser scanner no dia-a-dia da topografia.
 
Tópicos que serão abordados:
 
Captura da realidade
Levantamento tridimensional
Conceito de Digital Twin
Lidar – conceitos, tipos, precisões
Tipos de plataformas – Aplicações
Potenciais mercados – ampliação de oferta
Comparativo de custos (exemplo)
 
Instrutor: Boaz Teixeira
Consultor especialista na CPE Tecnologia. Mais de 20 anos de experiência com captura da realidade e emprego de laser scanner nos mais diversos mercados. Um dos precursores da introdução de laser scanner no Brasil.
 
 
 

Seminário: Monitoramento AMBIENTAL

19 de maio – 14h às 18h – Arena Amarela

Este seminário vai apresentar os principais recursos tecnológicos que integram a coleta de dados com imagens de satélites, aviões, drones, processamento de dados, inteligência artificial e análise geográfica para acompanhar com cada vez mais precisão, qualidade e frequência as alterações naturais e provocadas pelo homem no meio ambiente. O seminário vai dar ênfase às ações efetivas de mitigação dos efeitos negativos das mudanças e na punição dos infratores no caso de atividade ilícitas.
 
Moderadora: Ane Alencar – Diretora do Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia – IPAM
 
Programação:
 
14h às 15h15 – Tecnologias de coleta e integração de dados usando drones e/ou satélites
Adriano Martins Junqueira – Diretor SCCON Geospatial
Moises Salgado – CTO da Agrosatélite
• Manuel Ferreira – Professor do Instituto de Estudos Socioambientais e Pesquisador do LAPIG/UFG
 
15h15 às 16h30 – Inteligência artificial no monitoramento ambiental
Soltan Galano – Diretor Técnico da GEODATIN
Ane Alencar – Diretora do Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia – IPAM
Carlos Souza – Coordenador do Centro de Geotecnologias do IMAZON
 
16h30 às 17h – Intervalo
 
17h às 18h15 – Plataformas de dados de uso da terra e alertas de ilícitos ambientais
Thiago Rodrigues – Gerente de Projetos e Desenvolvimentos de Soluções na Visiona Tecnologia Espacial
• Marcos Rosa – Coordenador Técnico do Projeto MapBiomas
Cláudio Almeida – Coordenador do Programa de Monitoramento da Amazônia e Demais Biomas – INPE
 

Seminário: PRECISÃO na Captura da Realidade

19 de maio – 14h às 18h – Arena Verde

Este seminário vai abordar os diversos tipos de aplicações dos dados capturados por diferentes tipos de sensores orbitais, aéreos (aviões e drones) e terrestres (fixos e móveis), enfatizando os diferentes tipos de uso dos sensores ópticos e Lidar, além do processamento destes dados, bem como as melhores formas de visualização 3D, incluindo Realidade Virtual (RV) e Aumentada (RA).
 
Moderadora: Patrícia Procópio – Fundadora e CEO da XR.Lab
 
Programação:
 
14h às 15h15 – A revolução da coleta de dados com Lidar (fixo, móvel, aerotransportado)
Vlade Lisboa – GeoCue Group
Luis Antônio de Lima – Diretor Técnico – Fototerra Atividades de Aerolevantamentos
Fernando Pena – Coordenador de Geoprocessamento da Strata Engenharia
 
15h15 às 16h30 – Coleta de dados de alta precisão com sensores ópticos e suas múltiplas aplicações
Antônio Jorge Furquim – Engenheiro Cartógrafo – Esteio Engenharia
Leonardo Ercolin Filho – Professor da Universidade Federal do Paraná e Coordenador do Centro de Pesquisas Aplicadas em Geoinformação (CEPAG)
Emanuele Traversari – Consultor Internacional – Drone to Business
 
16h30 às 17h – Intervalo
 
17h às 18h15 – Integração de dados e visualização 3D/RV/RA/Metaverso
• Bruno Toniolo – Encarregado da Divisão de Cadastro Técnico Oeste da Sabesp
• Ramon Araújo – Coordenador de Espeleologia da Vale
 

Evite filas, faça sua inscrição antecipada e parcele sua compra em até 10 vezes!

Atividades isoladas:
1 Curso: R$ 500,00
1 Seminário: R$ 500,00

Passaporte Seminários: de R$ 3.500,00 por R$ 1.500,00
(Tenha acesso aos 7 seminários, nos 3 dias do evento, pagando o valor de 3 seminários)

Parcelamento sem juros e válido apenas para pagamentos no cartão de crédito.


Conheça o Protocolo COVID 19

A inscrição contempla:
• Acesso à(s) atividade(s) adquirida(s);
• Acesso ao conteúdo (slides) do(s) curso(s) adquirido(s) – pós evento;
• Certificado de participação, mediante comprovação de presença.

 
Benefícios dos inscritos nas atividades e visitantes da feira:
• Acesso aos 3 dias da feira;
• Acesso às Atividades Especiais gratuitas durante o evento.

Entre em contato:
Telefones: (41) 3338-7789 | (11) 4063-8848
E-mail: atendimento@mundogeo.com | WhatsApp (41) 999-191-357